QSMS e Normas ISO

28 de setembro de 2012

Você conhece o significado de "Esfera de Influência" na ISO 26000?

Na norma internacional ISO 26000, Esfera de influência é definida assim:

Amplitude/extensão de relações políticas, contratuais, econômicas ou outras relações por meio das quais uma organização tem a capacidade de afetar as decisões ou atividades de indivíduos ou organizações.
NOTA: a capacidade de influenciar não implica, em si, responsabilidade de exercer influência. 
NOTA: quando esse termo aparecer nesta Norma, tem sempre que ser compreendido no contexto das orientações contidas em 5.2.3 e 7.3.3.

A subseção 5.2.3 aborda esse conceito da seguinte forma:

Responsabilidade social e esfera de influência de uma organização

"Uma organização é responsável pelos impactos de suas decisões e atividades sobre as quais exerça controle formal e/ou de fato (controle de fato – de facto – refere-se a situações em que uma organização tem a capacidade de ditar as decisões e atividades de uma outra parte, mesmo quando ela não tiver a autoridade legal ou formal para tanto). Tais impactos podem ser intensos. Além de ser responsável por suas próprias decisões e atividades, a organização pode, em algumas situações, ter a capacidade de afetar o comportamento de organizações/partes com as quais se relaciona. Tais situações são consideradas dentro da esfera de influência de uma organização.

Essa esfera de influência inclui relações dentro e além da cadeia de valor da organização. Entretanto, não necessariamente a totalidade da cadeia de valor de uma organização estará dentro de sua esfera de influência. Ela pode incluir as associações formais e informais de que participa, assim como organizações pares ou concorrentes.

Uma organização não terá sempre a responsabilidade de exercer influência simplesmente porque é capaz de fazê-lo. Por exemplo, ela não pode ser responsabilizada pelos impactos de outras organizações sobre  as quais poderá ter alguma influência se o impacto não for resultado de suas decisões e atividades. Entretanto, haverá situações em que a organização terá responsabilidade de exercer influência. Essas situações são determinadas pelo quanto os relacionamentos da organização estão contribuindo para os impactos negativos.

Haverá também situações em que, embora a organização não tenha responsabilidade de exercer influência, pode, entretanto, desejar ou ser solicitada a fazê-lo de forma voluntária.

Uma organização pode decidir ter ou não relações com outra organização e a natureza e grau dessa relação. Haverá situações em que uma organização terá a responsabilidade de estar alerta aos impactos causados pelas decisões e atividades de outras organizações e tomar medidas para evitar ou mitigar os impactos negativos que permeiam sua relação com essas organizações.

Convém que, ao avaliar sua esfera de influência e determinar suas responsabilidades, uma organização exerça a due diligence para evitar contribuir com os impactos negativos de suas relações (...)".

A subseção 7.3.3 da ISO 26000 mencionada na definição acima trata da Avaliação da esfera de influência de uma organização e do Exercício da influência.

Voltaremos ao assunto.

Venha debater este tema no nosso grupo Sucesso Sustentado, no LinkedIn.